Isto não é um Diário – Zygmunt Bauman

Como temos visto ao longo de post’s anteriores a era da Tecnologia permitiu que a troca de informação e transmissão fosse feita por todos nós. Agora podemos pela primeira vez na história dar as nossas próprias opiniões, descrever as nossas experiências e publica-las num meio que é acedido por muitas pessoas, a internet. Nesse sentido, os blogs são plataformas que nos permitem fazer exatamente isso, permitiram que cada um de nós fosse escritor das suas próprias ideias e vivências. Continue reading

Chorar Sobre o Leite Derramado – Comunicação de Crise e Risco

Cada vez mais, as organizações têm que manter relações de confiança com os seus stakeholders, trabalhar questões com o ambiente interno e externo, agir de maneira responsável, criar bons valores e ajudar causas de forma a manter uma boa reputação. A reputação é a maneira como a organização é percecionada e é algo que é decisivo quando se trata se a organização é “boa” ou má”. Mas, e se não for apenas os valores e as ações que contribuem para manter uma boa reputação? E Se for começado a ser posto em causa a própria indústria e a própria atividade da empresa?

Continue reading

O Novo Espaço Público – Cosmopolita

O espaço público em que vivemos hoje é muito diferente daquele que era considerado pela Grécia Antiga de praça pública ou ágora. A Grécia Antiga definia o espaço público como o lugar central onde os cidadãos de uma determinada cidade se encontravam para discutir e debater assuntos relevantes para o governo dessa mesma cidade. Contudo, hoje, este espaço público teve transformações que moldaram a forma de pensar a política na sociedade contemporânea. Continue reading

Um Mundo Sem Regras – Coexistência entre Nações

Vivemos num mundo onde grandes potências ocidentais, tais como, os Estados Unidos, impõem constantemente as suas forças militares perante os outros, potencias orientais tentam impor os seus cultos religiosos perante outras, potências vivem há anos climas de guerra e terror, potencias que depois de muitos anos de crise renascem o seu poder económico-financeiro. Vivemos num mundo onde se centraliza um desregramento intelectual, um desregramento geopolítico, um desregramento ético. Mas será que conseguiremos sair destes confrontos entre as potências? Será que conseguiremos juntar as potências em prol de um bem comum? Ou será que fomos longe demais?

Continue reading

Nobreza de Espírito – Conceito Perdido no Tempo

Atualmente, vivemos num mundo globalizado, onde as barreiras entre países sejam estas temporais ou especiais deixaram de existir. Por vezes, sem termos consciência disso, vivemos num mundo altamente capitalista, onde há grandes complexos empresariais, tudo é comércio e tudo é negócio. Contudo, será que no mundo que pensávamos ser melhor, deixámos de ligar às coisas que realmente interessam? Será que deixámos de nos interessar pelo espiritual? Continue reading

Melhorar o Sistema Económico – Ética e Política Corporativa

O mundo corporativo em que vivemos hoje é completamente diferente daquele que operava há umas décadas atrás. Hoje, as empresas têm que rever as suas ações constantemente e fazer ações para a construção da sociedade, já não se espera delas apenas a prestação de serviços ou venda de produtos. As empresas têm que dar mais de si no que diz respeito às ações sociais, ambientais, culturais e políticas. Nessa perspetiva, o papel das RP cresceu, porque um profissional da área da comunicação faz grande parte da sua ação dentro de uma organização no sentido do social, do cultural – comunicar com todos os stakeholders. Continue reading

Uma Vida sem Cultura – George Steiner

Cada vez mais, vivemos num mundo onde a globalização está no centro de todas as nossas atividades. Podemos ver os impactos da globalização em todo o lado e por isso a Ideia da Europa, a Europa como um centro cultural, pode estar efetivamente a desaparecer. Isto deve-se grande parte à ideia de americanização que é um fenómeno a que se tem assistido constantemente, nos últimos anos, tanto a nível musical, como a nível tecnológico e até a nível linguístico. Continue reading

The Thumb Generation – Michel Serres

As novas tecnologias trouxeram ao mundo muitas novas formas de comunicar, de trabalhar, de ensinar e até mesmo de pensar. Por isso mesmo, os públicos, que um profissional de Relações Públicas tinha que lidar há duas décadas atrás são muito diferentes daqueles que tem que ligar hoje. As tecnologias permitiram moldar a forma de pensar de muitas pessoas e a forma como elas acedem à informação é muito mais rápida, quase mesmo que, instantânea.

Continue reading

Comunicar a comunicação através da comunicação – Metadiálogos

Cada vez mais, vivemos num mundo onde a comunicação faz-se de uma maneira mais rápida e constante, as barreiras temporais e espaciais que antes havia à comunicação deixaram de existir. Hoje vivemos num mundo totalmente comunicativo, onde as barreiras foram totalmente ultrapassadas. Todos nós comunicamos constantemente seja pessoalmente ou através de vários dispositivos, sejam estes digitais ou não digitais.

Continue reading